Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Rolls-Royce cria micro-robôs para inspeção de motores

Compartilhe!

Imagine micro-robôs passeando pelo interior do motor do teu carro, nas diversas tubulações, fazendo todas as inspeções e vistorias necessárias. Se você tiver um Rolls-Royce prepara-se; essa tecnologia já está sendo empregada em aviões e em breve poderá ser aplicada em automóveis.

Projeto desenvolvido em conjunto entre a fabricante de turbinas para aviões Rolls-Royce e pelo Wyss Institute, da Universidade de Harvard, estes micro-robôs apresentam, neste momento, mais ou menos do tamanho de uma pequena aranha. A ideia do projeto passa por “encolher” ainda mais estes pequenos autômatos, para tamanhos que não ultrapassam os 10 milímetros de diâmetro.

Quanto ao objetivo, explica a Rolls-Royce, que desde 1973 é uma empresa completamente independente do fabricante de automóveis Rolls-Royce, é utilizar estes pequenos “seres” nas inspeções e revisões dos motores das aeronaves. Daí sua aplicação seguinte é lógica: motores de automóveis.

 Conforme é possível ver no vídeo abaixo, os micro-robôs são introduzidos no bloco com a ajuda de um outro robô tipo “serpente”. Uma vez lá dentro, são direcionados para verificar todas as zonas internas do motor, principalmente as de acesso mais difícil, enviando todas as imagens para o monitor do operador.
 

 

Desta forma, defende as empresas que tocam o projeto, será possível fazer todas as verificações e detectar qualquer problema interno, não apenas mais rápido, como também de forma mais fácil, e sem ter de retirar ou desmontar o motor.

“Com estes pequenos robôs, vamos poder acessar espaços confinados, que até mesmo os robôs que estamos habituados a utilizar, não conseguem chegar. Aliás, uma das grandes vantagens de que podemos desde já começar a beneficiar, com estes micro-robôs, é na inspeção de motores”. Sébastien de Rivas, pesquisador do Wyss Institute

Ainda segundo Rivas, hoje os robôs já fabricados “ainda não são suficientemente pequenos”, embora “estamos confiantes de que, no futuro, será possível diminuir ainda mais o seu tamanho, de forma a poder inserir, vários de uma vez só, dentro dos motores, recorrendo a outro tipo de robôs, tipo ‘serpente’”.

Rolls Royce Robô motores 2018

“A partir daí, trabalhando em conjunto, estes micro robôs vão poder desempenhar tarefas de inspeção de forma muito mais eficaz do que hoje em dia”, concluiu.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *