Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Sinal dos tempos: Lotus quer ter sedã e SUV

Compartilhe!

images

O início dos trabalhos de um novo CEO coincidiu com a definição os novos rumos que serão tomadps pela marca britânica, conhecida pelos seus modelos esportivos, e que um dia foi comandada pelo genial Colin Chapman.

Depois de ter adquirido a Lotus em 2012, a Proton acabou de iniciar investigações sobre a gestão de Dany Bahar, que anos antes anunciara planos ambiciosos que incluíam o lançamento de vários modelos esportivos para enfrentar as principais marcas européias. Com o novo CEO, Jean-Marc Gales, que assumiu em maio último, a marca inglesa quer tentar recuperar o tempo perdido.

apx

O chefão, nascido em Luxemburgo, conta no seu currículo com a liderança da PSA entre 2009 e 2012 (quando lançou a linha DS), além de passagens pela Daimler, GM e VW. Já apresentou ao CEO da Proton, Datuk Abdul Harith Abdullah e ao responsável de operações da Lotus, Aslam Farikullah, planos para o lançamento de um SUV e um sedã, pois será difícil ambicionar algo maior no mercado com os três modelos atuais (Elise, Exige e Evora). A Lotus já apresentou no Salão de Paris de 2010 o cupê de quatro portas Eterne, e o pequeno SUV em alumínio APX Concept, mostrado no Salão de Genebra de 2006.

Entretanto, a Lotus está também testando uma versão de rua do Elise S Cup R, feita com base no modelo de competição com 217 cv, anunciado em 2013.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español