Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Tesla ganhou rival: Lucid Air, com autonomia de até 832 km

Compartilhe!

A promessa é de ser uma das grandes novidades para o segundo trimestre do próximo ano no mundo dos carros elétricos, e um concorrente direto e de peso para os Tesla de Elon Musk. Quatro anos após a apresentação do protótipo, eis que surge o Lucid Air, já na sua fase de produção. 

Tesla já tem rival: Lucid Air com autonomia até 832 quilómetros

A Lucid Air é uma empresa da California, criada em 2007 e de propriedade de um fundo de investimentos da Arábia Saudita. Ou seja, dinheiro não falta.

O sedã 100% elétrico traz tecnologias líderes na sua classe, desenho atraente e quatro versões, para agradar todas as carteiras e contas bancárias de Primeiro Mundo.

Lucid Air Could Be The Next Tesla-Killer - Peter von Stamm

O Lucid Air traz sob o piso uma bateria de 113 kWh ligada a dois motores elétricos, capazes de oferecem até 1.080 cv de potência. As acelerações prometem, por isso, grandes emoções. Na Air Dream Edition, que é também o top de linha, é capaz de gastar menos de três segundos para ir de zero a 100 km/hora e 9,9 segundos para fazer 400 metros, cruzados a 231 km/h. 

Mesmo assim, os engenheiros da marca americana acharam razoável limitar a 270 km/hora a velocidade máxima do sedã berlina. As versões menos potentes e equipadas –Air, Air Touring e Air Grand Touring– também oferecem números entusiasmantes.

Os dois motores do Lucid Air Grand Touring, por exemplo, oferecem potência máxima de 811 cv, que permitem chegar aos 100 km/hora poucos décimos acima dos três segundos e bater os mesmos 400 metros, a 214 km/hora, em 10,8 segundos. 

É a sua autonomia elétrica, no entanto, que causa surpresa, com o Air Grand Touring permitindo rodar 832 km com uma única carga, desde que equipado com as rodas de liga leve AeroRange e pneus específicos.

O Air Dream Edition, por exemplo, consegue rodar 748 km com a mesma carga e as mesmas rodas mas, se equipado com as rodas de 19 polegadas, a autonomia sobe até os 810 km. Já a versão Air Touring, com 629 cv de potência, faz em 3,5 segundos a aceleração de zero a 100 km/hora e tem autonomia de 653 km, desde que equipada com as rodas AeroRange de 19 polegadas. 

Fora destes números fica o Lucid Air, que será a versão de entrada na linha, mas todas as suas especificações técnicas ainda não foram anunciadas. Será também o último a chegar ao mercado, previsto apenas para 2022. 

O dilema que se coloca a qualquer motorista quando a bateria está prestes a descarregar tem no Lucid Air uma outra atração: todos os modelos demoram apenas 20 minutos para carregar o suficiente para obter autonomia de 482 km, desde que feito num posto de carregamento rápido.


Lucid Air - Watts On


Encerradas as apresentações das especificações técnicas do Lucid Air, é hora de dar uma olhada no habitáculo.

E, sem dúvida, as surpresas continuam ao apreciarmos um interior espaçoso e futurista, maximizando o espaço. O Lucid Air apresenta um imenso painel de instrumentos curvado de 34 polegadas, com uma tela aparentemente flutuante. 

As funções principais são operadas por meio de uma tela de multimídia de alta definição, que a marca apelidou de “Painel do Piloto”, que pode ser escondida no painel quando não é usada. Praticamente um tablet no console.

Esta tela pode ser escondida no painel quando não estiver em uso, revelando um grande espaço de armazenamento. 

Assumindo-se como um carro de família, o Lucid Air oferece bancos traseiros para três adultos, embora esteja prevista uma versão com dois bancos “executivos”, que podem ser reclinados em até 55 graus. 

O Amazon Alexa foi sistema escolhido pela Lucid para o modelo, com atualizações online. 

Lucid Air EV open for reservations - motoring.com.au

Quanto aos sistemas de auxílio à condução, destaca-se o DreamDrive, equipado com 32 sensores, incluindo o “Lidar” de alta definição ligado ao aplicação de navegação HD, capaz de oferecer funcionalidades de assistência de Nível 2 e Nível 3.

Os preços anunciados pela marca para o mercado americano, sem incentivos do governo, prometem rivalizar com os concorrentes mais diretos. 

Enquanto a versão base Air poderá custar menos de US$ 80 mil, o Air Touring será oferecido por US$ 95 mil.  As versões mais sofisticadas –Air Grand Touring e Air Dream Edition– apresentam preços de US$ 139 mil e 169 mil, respectivamente. 

Lucid Air: o elétrico de luxo com 600 km de autonomia | Carro Elétrico

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *