Slide

Venda de elétricos dispara na Europa

Compartilhe!

O mercado de automóveis na Europa corre para recuperar a velha exuberância que exibia em tempos passados, depois que em agosto último, o número de licenciamentos aumentou 20% em comparação com o mesmo mês de 2022. Desta vez, com forte contribuição das marcas e modelos 100% elétricos, cujas vendas aumentaram 102% nos 28 mercados analisados. Estes números foram divulgados pela JATO Dynamics, empresa analista de mercado, com base nos novos emplacamentos feito nos 28 países que compõem o mercado automotivo europeu. E foram estes números que mostraram a subida de 20% no número de carros novos emplacados durante agosto.

por Marcos Cesar Silva

Segundo a Jato, aquele que é também o tradicional mês de férias na Europa fechou com praticamente 900 mil veículos novos emplacados, sendo que cerca de 196 mil foram elétricos. Este volume representa subida de 102% nas vendas de veículos elétricos novos comparado com agosto de 2022. Já nos veículos a combustão, a subida nas vendas foi menor, de 11%.

Falando apenas de carros elétricos, destaque para o crescimento recorde registrado na Bélgica, onde a venda deste tipo de veículos subiu em agosto 224%, seguido da Grécia, onde a alta foi de 183%. No terceiro lugar deste pódio surge a Alemanha, onde o número de novos emplacamentos aumentou 171%, que pelo volume representa 44% das vendas de veículos elétricos registradas em todo o mercado europeu em agosto.

Os modelos mais procurados -confirmando o sucesso que a Tesla alcançou na Europa- são os de entrada, o Model Y e o Model 3, que encerraram agosto com 21.549 e 11.943, respectivamente, novas unidades colocadas nas ruas, o representa aumento de 208% e 307% nas vendas destes dois elétricos, isso só em agosto.

Atrás da Tesla, na lista dos elétricos, surge a Volkswagen, que teve no novo ID.3 e, principalmente, no ID.4, os seus elétricos mais vendidos. No primeiro caso, com subida de 86% nas unidades entregues (6.835 veículos), enquanto o segundo contou com subida de 61% nos licenciamentos (9.135 unidades).

Num mês de clamoroso crescimento na procura por este tipo de veículos, a surpresa foi a chegada da MG no grupo das 20 marcas mais vendidas, com um total de 6.302 carros emplacados, ou 69% da totalidade de veículos chineses vendidos em agosto na Europa. Isso permitiu superar fabricantes já instalados, como Mazda, Mini, Jeep ou Suzuki.

Finalmente, no que diz respeito às vendas não apenas de elétricos, mas também de veículos a gasolina e diesel no mercado europeu, a manutenção da liderança que já estava era da Volkswagen, com um total de 99.266 veículos emplacados em agosto, viu o número de carros novos entregues subir 10% comparado com o mesmo mês de 2022.

No segundo lugar europeu ficou a Toyota, com 59.132 novos emplacamentos, seguida da BMW, com 52.334 unidades, e, fora do pódio, a Audi, com 51.132 veículos. Fechando o Top 10, temos a Skoda (49.996 vendas), a Mercedes (48.551), Peugeot (41.869), Renault (40.822), Kia (40.712) e Hyundai (38.925). Entre os híbridos, o mais vendido foi o Ford Kuga, seguido de Mercedes GLC e BMW X1.

com a Jato Dynamics


Compartilhe!
1713135898