Classic Cars

Impressionante: parte da história da Bugatti volta para casa

Compartilhe!

Uma coleção que inclui alguns dos mais extraordinários carros feitos pela Bugatti em toda sua história, não restaurados, acaba de mudar de dono, sendo que a primeira parada já em novas mãos foi o Château Saint Jean, ou seja, a casa da Bugatti Automobiles.

por Ricardo Caruso

Há inúmeras coleções de automóveis espalhadas por todo o mundo, umas mais conhecidas que outras, com os mais variados temas e detalhes. Neste caso, a coleção que aqui mostramos, inclui alguns dos mais históricos modelos da Bugatti, mas com uma característica muito importante: o fato de nunca terem sido restaurados.

Durante as últimas décadas estes carros moraram na Suíça, sob os cuidados de Hans Matti, que não só protegeu estes modelos, como dedicou a sua vida a esta coleção, reunindo fotografias originais, matérias publicados em revistas, livros e até documentos da fábrica relacionados com estes modelos, ou seja, toda a sua história desde que saíram das instalações de Molsheim, onde foram gerados.

Na qualidade de responsável pelos registos do Bugatti Club Suisse, Matti é um dos maiores peritos mundiais dos automóveis de competição da Bugatti. Trata-se de uma coleção única e de que Hans Matti estava compreensivelmente relutante em se separar. As negociações para adquirir estes automóveis estavam em curso há dois anos e meio, e até Caroline Bugatti –neta de Ettore Bugatti– este envolvida nas conversas.

Entre os modelos presentes nesta coleção, encontramos um Bugatti Type 51, que é considerado o mais original de todos os que ainda existem. Há também um Type 37A notavelmente preservado; um Type 49 Faux Cabriolet de chassis curto com carroceria de Jean Bugatti, o único exemplar restante deste modelo em todo o mundo; um Type 35B e também um Type 35A que está equipado com o único conjunto ainda existente de motor, caixa de velocidades e eixo motriz do Type 36.

O Bugatti Type 51 não só é um modelo totalmente original, como um carro de competição usado pela própria Bugatti e que nunca foi restaurado ou pintado, ostentando com orgulho as marcas de nove décadas de competição automobilísticas e muita diversão. Quanto ao Type 49, trata-se do carro pessoal do próprio Jean Bugatti, com as iniciais “JB” nas portas. É extremamente raro um Type 49 ter uma carroceria concebida e construída pela fábrica Bugatti, como esta unidade, sendo que nenhum outro Type 49 conta com a carroceria Faux Cabriolet. Mais curioso ainda é o fato de estes Type 51 e Type 49 terem partilhado o mesmo transporte quando foram entregues aos seus primeiros clientes privados. Voltar a reuni-los é o encerramento de um ciclo que começou na década de 1930.

Esta coleção única de automóveis entra agora na sua terceira era: a primeira foi quando foram vendidos novos e a segunda sob o cuidado meticuloso de Hans Matti. E agora, continuarão a ser mantidos na sua condição original, sem restauro, preservados como alguns dos exemplares mais importantes da história da marca. O seu regresso ao Château Saint Jean –um lugar comprado por Ettore Bugatti para entreter os seus clientes, e ainda uma parte essencial da lenda Bugatti– mostra uma espécie de viagem no tempo e quase parece que os carros nunca tinham saído de lá. Um sentido de história rodeia o Château, repleto de quase um século de herança Bugatti.

Christophe Piochon, chefão da Bugatti Automobiles, disse: “Somos uma marca que olha constantemente para o gênio do nosso fundador em busca de inspiração. Para Ettore, o aspecto mais importante de um Bugatti era o fato de ser incomparável. Deveria estar numa classe própria. Nada nos aproxima mais da visão de Ettore do que ver as suas criações nas condições em que deixaram a fábrica; os rebites originais, a pintura e, em particular, a engenharia meticulosa que veio para definir os seus automóveis e, em última análise, o seu sucesso. Esta coleção de automóveis e as histórias que foram reunidas à sua volta são absolutamente inestimáveis, e estamos honrados de os ter podido receber na casa da Bugatti Automobiles. Ao olharmos para uma nova era de Bugatti, são modelos pioneiros como estes que serão sempre a nossa inspiração“.


Compartilhe!
1721129390