Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

A picape elétrica além de seu tempo. Ou não?

Compartilhe!

Você pode dizer qualquer coisa da picape elétrica Tesla Cybertruck, menos que ela não é absolutamente original e genial. E mais: a tão esperada picape apresenta desempenho tão arrojado quanto seu visual. Isso mesmo, depois de longa espera, Elon Musk cumpriu o prometido e apresentou a primeira picape da marca. A apresentação aconteceu recentemente em Los Angeles e foi transmitida ao vivo para os quatro cantos do planeta, onde os fãs da marca puderam acompanhar o evento, que contou com alguns momentos curiosos.


Com é habitual, Elon Musk elevou o nível no que diz respeito às ambições para este modelo. De acordo com o folclórico chefão da Tesla, a Cybertruck será capaz de destronar as vendas da Ford F-150 ou apresentar melhor desempenho do que um Porsche 911, e tudo por um valor abaixo da marca dos US$ 50 mil. Como se isto não bastasse, o executivo afirmou que esta será a “picape oficial de Marte”. Isso mesmo, Musk vai continuar lançando carros para o espaço, mas desta vez com a missão de atuar em solo marciano, com a ajuda de uma versão pressurizada deste modelo. Durante a apresentação, Elon Musk explicou: “Há muito tempo que as picapes têm se mantido iguais. Queremos vos mostrar algo diferente. E precisamos de energia sustentável hoje”.

 Esta “Lotus Sprit anabolisada” revela sua estrutura feita de aço, em uma peça única. Musk é fã assumido de ‘Blade Runner’ e por isso não é de estranhar que este veículo pareça ter saído de um filme do gênero. O desenho é, obviamente polêmico, minimalista, simples e inteligente por reduzir muito os custos de produção.

Além do desenho irreverente da Cybertruck, a apresentação ficou marcada por um momento incomodo. Elon Musk decidiu lançar duas esferas de metal, com o objetivo de mostrar os novos vidros inquebráveis, que curiosamente estilhaçaram. Musk disse que situação iria ser revista, mas para a história fica este momento, que não é o melhor cartão de visita em relação à qualidade dos materiais. 

A  picape Tesla Cybertruck estará disponível com três motorizações distintas. A primeira (320 km de autonomia) é alimentada por um motor elétrico e tração nas rodas traseiras. A esta motorização, segue-se uma alimentada por dois motores (480 km de autonomia), com tração integral, e ainda, uma terceira motorização ‘com três motores, também com tração nas quatro rodas. Esta última é a que mais chama atenção, capaz de autonomia superior a 800 km; acelera de zero a 100 km/h em menos de 3 segundos. Números alucinantes para uma picape quatro portas de seis lugares, capaz de rebocar até 6,5 toneladas e de transportar outra 1500 kg.

As reservas para a nova ‘pickup’ da Tesla já estão abertas, a partir de US$ 100 no site oficial da marca. Nos Estados Unidos, o preço base é de US$ 39.900. A produção terá inicio no final de 2021, enquanto a versão de três motores tem chegada prevista para o ano seguinte. Em uma semana foram reservadas 250 mil picapes…


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *