Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Challenger SRT Demon: se o diabo gostasse de Dodge, teria um desse

Compartilhe!

O futuro Dodge Challenger SRT Demon, como o nome sugere, parece estar mesmo com o diabo no corpo. Terá, por exemplo, exclusivo sistema de partida (“transbrake”) para acelerar como um míssil nas arrancadas, entre outros deliciosos exageros.

2018-Dodge-Challenger-SRT-Demon-rear-view

Ultimamente o Dodge Challenger SRT Demon está monopolizando a atenção de quem sonha com carrões norte-americanos. E não é para menos. A Dodge vai soltando aos poucos os detalhes de seu futuro muscle car, que será mostrado sem segredos em breve, no Salão de Nova Iorque. As últimas notícias sobre o modelo norte-americano adiantam aperitivos sobre seu avançado sistema de controle de largada, o “transbrake “, tudo para ser quase imbatível nas arrancadas, levado pelo rugido de mais de 700 cv vindos do motor 6.2V8 HEMI supercharger. Sobre isso, os boatos apontam para a potência total de 757 cv e redução de peso de pelo menos 100 kg .

   
De acordo com a própria marca,  o inovador “transbrake” permite maior fluxo de ar através do motor antes de “lançá-lo” como um foguete, com aumento das rpms sem exagerar no torque e nos pneus, bloqueando o conversor de torque da caixa de câmbio automática. O modo “Drag and Launch” se manifesta a partir de 1000 rpm, provocando dois efeitos sobre a mecânica: fecha a válvula de bypass do compressor e gerencia o fluxo de combustível para os cilindros, alterando o momento da explosão. 
Dodge-Challenger-SRT-850x425
A Dodge não divulgou dados de desempenho, mas dá para imaginar como serão as acelerações de zero a 100 km/h, tanto nas ruas como nas pistas de dragster.

Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español