Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

FORD: O FIM DAS PICKUPS NACIONAIS

Compartilhe!

Foram quase 55 anos de história, e agora a Ford deixou de produzir pickups no Brasil. Estamos falando de pickups de verdade, e não das derivadas de automóveis, pois a Courier ainda está em produção. A empresa encerrou a fabricação da F-250 que era feita em São Bernardo do Campo (SP), onde era produzida desde 1998. Seguia a mesma linhagem da F-100 e F-1000; a F-100 foi apresentada em outubro de 1957.

A F-250 vai ser mais ou menos substituída pela nova Ranger, que deve chegar nos próximos meses, produzida em Pacheco, na Argentina. A Ford acredita que, com a Ranger, vai conseguir atender o mercado da F-250. A questão é que a Ranger é uma pickup média e a F-250 era grande.

Dessa maneira, chegou ao fim uma longa tradição e a história das pickups grandes brasileiras. Começou com a Dodge D-100, no final dos anos 1969 e passou pelas Ford e Chevrolet feitas de 1958 e 2001 (Amazonas, A/C/D 10 e 20 e Silverado). De agora em diante, pickup grande só importada.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español