Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

PEÇA CHINESA PROVOCA RECALL DA ASTON MARTIN

Compartilhe!

i

Os chineses não só produzem carros de baixa qualidade (com raras exceções), como também causam problemas com quem se aventura a usar componentes vindos daquele país. A “bomba” estourou agora na Aston Martin, que está enfrentando dificuldades com um fornecedor chinês: simplesmente descobriu que as peças eram feitas de material de qualidade muito inferior ao plástico encomendado pela marca britânica.

Contas feitas, será feito recall de 17.590 automóveis produzidos entre novembro de 2007 e maio de 2012. Os modelos voltarão para as concessionárias devido a uma peça de plástico do acelerador (a haste), que a Aston Martin descobriu estar sendo feita com plástico inferior ao contratado. A Shenzen Kexiang Mould Toll Co Limited, empresa chinesa que fornecia a tal peça, não utilizava plástico, e sim um material parecido, produzido pela Synthetic Plastic Raw Material Co Ltd Dongguan. Os chineses embalavam as peças como sendo feitas com material original DuPont, cobravam pelo uso desse material, mas usavam na verdade uma liga feita de produtos reciclados, sem qualidade alguma, como ficou provado pelas investigações feitas pela Aston Martin e pela DuPont.

Segundo a marca, não existem relatórios de acidentes provocados pela peça, mas optando pelo lado mais seguro, a Aston Martin pediu aos seus clientes para levarem os carros de volta às revendedoras, onde  o componente será substituído por um novo e de qualidade, operação que leva uma hora a ser executada. O novo fornecedor e britânico e a Aston Martin irão agora acionar legalmente as empresas chinesas envolvidas.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español