Slide

Picape Fiat Titano, a primeira imagem oficial

Compartilhe!

A Fiat mostrou a primeira imagem oficial da Titano, sua nova picape média-grande. Já liderando os segmentos pequeno e médio com Strada e Toro, a marca italiana lançará seu inédito modelo em 2024, com a missão de disputar mercado com Ford Ranger, Chevrolet S10 e Toyota Hilux.

por Ricardo Caruso

Segundo a Fiat, o nome Titano é inspirado na entidade da mitologia grega que enfrenta Zeus e os demais deuses do Olimpo em sua ascensão ao poder. Além disso, pode ser vinculado também ao metal titânio, o mais resistente usado pela indústria de alta tecnologia, conferindo alta resistência e durabilidade aos produtos onde é aplicado.

Esta picape na verdade já existe em outros países. Chamada de Landtrek, foi desenvolvida pela Peugeot em parceria com a chinesa Changan, e será vendida no Brasil pela Fiat por causa da boa rede de concessionárias Fiat, bem maior que a da Peugeot, e pela experiência da marca italiana em vender picapes com sucesso por aqui.

As medidas devem ser as mesmas que encontramos na picape da Peugeot. Assim, as variações devem ser mínimas, mantendo os 5,33 metros de comprimento, 1,96 m de largura, 1,82 m de altura (o que pode mudar um pouco conforme os ajustes de suspensões e medidas dos pneus) e 3,18 m de distância entre-eixos. A capacidade de carga é de 1000 km e a de reboque em torno de três toneladas, .

Entre os equipamentos já confirmados, Hill Assist Descent Control (bloqueio do diferencial traseiro) e assistente de controle de de , além de bancos dianteiros. Assim nova a picape Fiat deve contar com motor turbodiesel e tração 4×2 com opção de 4×4 reduzida. O motor deverá ser o 2.2 de 200 cv e 45,9 mkgf já usado pelas vans e furgões do grupo Stellantis (Citroën Jumper, Fiat Ducato e Peugeot Boxer). A montadora italiana deverá usar ainda câmbio automático de 6 marchas. 

Na Argélia, a picape Fiat já está em processo de pré-venda, equipada com o motor 1.9 turbodiesel de 150 cv e 35,7 mgfm, o mesmo usado pela Peugeot Landtrek em diversos mercados.

Será produzida na fábrica uruguaia Nordex do grupo, e chegará com a proposta de ser comercializada em diversos países da América do Sul e África. Visualmente, não traz muitas novidades, apresentando o mesmo desenho da Peugeot Landtrek (abaixo). A grade é diferente, maior no modelo da Fiat.

A Titano será, claro, a opção mais cara entre as picapes Fiat (Strada e Toro) no Brasil. Assim, a Toro mais cara custa R$ 211 mil na versão Ultra. Como as picapes médias-grandes aqui começam em R$ 240 mil (com cabine dupla), a Titano não deverá fugir dessa faixa de preços. Não há nenhuma informação sobre se ela cabine simples, sendo disponibilizada somente com cabine dupla.


Compartilhe!
1718543356