Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Retoques: Evoque ganha facelift em Genebra

Compartilhe!

Chegou a hora de renovar o Evoque. O SUV vai ganhar uma versão de tração nas rodas traseira com o motor diesel eD4 de 150 cv, equipado com câmbio manual de seis velocidades. Segundo a Land Rover, faz quase 25 km/litro e tem emissões de 109 gr/km. Isso é 18% a menos que o mais eficiente dos atuais Evoque. O mesmo motor eD4 possui uma versão mais potente, com 180 cv, que a marca estima fazer quase 20 km/litro e emissões de 125 gr/km.

a1

O Evoque continuará disponível com motor a gasolina, no caso o Si4 com 240 cv e consumo 13 km/litro. O Evoque Si4 terá tração integral e a caixa de câmbio automática de nove velocidades, acelerando de zero a 100 km/h em 7,6 segundos com uma velocidade máxima de 216 km/h.

Para o Evoque, a Land Rover disponibiliza três formas de tração: traseira, 4×4 e Active Driveline. Esta última funciona de forma automática, alternando entre 4×2 e 4×4 conforme a necessidade, exibindo distribuição do torque para melhorar a tração em condições de baixa aderência. Um sistema diferente do habitual na Land Rover, mas que se adapta à nova realidade de uso; é de série no Si4 e opcional nos restantes.

a2 a3 a4

As suspensões do Evoque também foram alteradas para lidarem com o menor peso dos novos motores Ingenium, agora aplicados ao Evoque. Para isso, o sub-chassi dianteiro é novo e as ligações das suspensões ao chassi também são novos. A frenagem também foi melhorada, com o uso de discos maiores.

Em termos de estilo, o E-Capability tem os logotipos Evoque azuis, novo pára-choques, entradas de ar maiores, nova grade, faróis LED adaptativos e novas rodas de liga leve, enquanto atrás existem novas lanternas, luzes de freio LED e novo spoiler. No interior, novos revestimentos, bancos, forros das portas e materiais suaves ao toque.

Além de todas estas alterações, existe uma nova tela touchscreen com 8 polegadas, que recebe o novo sistema de info-entretenimento InControl estreado na Jaguar. O sistema All-Terrain Progress Control (ATCP), visto no Range Rover, é oferecido como opcional e mantém velocidade pré-definida para ajudar o motorista a enfrentar terrenos mais complicados. Adiciona-se a isto equipamentos de segurança, como alerta para a invasào involuntária de faixa de rodagem e frenagem autônoma de emergência.

O novo Evoque deverá ter a esperada versão conversível com capota de lona.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *