Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Seleção e investimentos: GM abriu o cofre

Compartilhe!

dilma-rousseff-e-mary-barra-ceo-mundial-da-gm-1408036969712_300x200

Acabou a Copa do Mundo, a Volkswagen ficou no prejuízo, e com o fim do contrato da marca alemã com a patrocínio da seleção brasileira de futebol, a nova patrocinadora agora é a Chevrolet. O anúncio foi feito na sede da General Motors do Brasil, em São Caetano do Sul (SP). O contrato irá vigorar por cinco anos, período em que a equipe disputará importantes torneios, como os Jogos Olímpicos de 2016 no Brasil e a Copa do Mundo da Rússia, em 2018, mais eliminatórias, Copa América, Copa das Confederações e próxima Copa do Mundo, na Rússia. O patrocínio inclui a equipe feminina.

O anúncio teve a presença da CEO da GM Company, Mary Barra; do presidente da GM América do Sul, Jaime Ardila, além do presidente da CBF (Confederação Brasileira de futebol), José Maria Marin aquele que tem o péssimo hábito de roubar medalhas).

O emblema da Chevrolet aparecerá no calção de treino e no agasalho dos jogadores, assim como em placas publicitárias e no ônibus da seleção. A estréia da Chevrolet como patrocinadora da equipe será no amistoso Brasil x Colômbia, nos Estados Unidos, no próximo dia 5 de setembro.

A Chevrolet é também a principa patrocinadora do Campeonato Brasileiro de Futebol, séries A e B, e das seleções brasileiras de futsal e “beach soccer”. É ainda parceira do Instituto General Motors no projeto “One World Futbol”, que apoia o esporte em regiões carentes. Na Europa a Chevrolet e a Opel patrocinam alguns clubes, como o Manchester United e o Liverpool, da Inglaterra. A marca tem ainda presença forte no nascente futebol da América do Norte e apoia as seleções masculina e feminina dos Estados Unidos.

MAIS INVESTIMENTOS

A General Motors anunciou ainda que investirá R$ 6,5 bilhões no Brasil nos próximos cinco anos (entre 2014 e 2018). Esse anúncio foi feito pela CEO da montadora, Mary Barra, ao lado da presidente Dilma Rousseff, em Brasília. Segundo Barra, os recursos serão gastos no desenvolvimento de novos produtos, melhorias de veículos atuais, tecnologia e ampliação e manutenção de fábricas no País.

Entre os novos veículos que serão beneficiados por esse investimento, está uma nova linha de compactos (para subsituir Corsa sedã e Celta e até um SUV compacto).


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *