Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Sem acordo: GM recusa fusão com a Fiat Chrysler

Compartilhe!

A Fiat Chrysler teria proposto recentemente uma fusão com a General Motors, mas Mary Barra, a chefona da gigante norte-americana recusou.

gm-fca-logos

O CEO da FCA – Fiat Chrysler Automobiles teria enviado um email para a CEO da General Motors, sugerindo uma fusão entre ambos os grupos. Mas de acordo com o jornal New York Times, que cita duas pessoas que tiveram acesso ao referido email, a proposta de Sergio Marchionne foi recusada por Mary Barra. O executivo italiano teria alegado que a operação conjunta permitiria reduzir bilhões de dólares atualmente gastos na produção e compra de materiais. Isso não foi suficiente para Barra e outros dos membros da administração da GM manifestarem interesse neste cenário.

Marchionne tem manifestado em público, em diversas ocasiões, seu interesse na fusão com outros fabricantes. Em 13 de abril a imprenssa européia havia noticiado que o italiano estava analisando a possibilidade de fusão com uma grande empresa norte-americano do setor. A FCA acumula neste momento dívidas vindas de suas operações na Europa.

Para piorar, a resposta negativa da GM custou queda de 3% nas ações da FCA.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español