CarrosSlide

A sensacional reencarnação do Fiat Topolino

Compartilhe!

O pequeno e urbano Fiat Topolino deve ser apresentado oficialmente em poucos dias, mas a marca italiana parece ter pouca intenção de mantê-lo em segredo e permitiu que várias fotos do making of do vídeo promocional fossem publicadas. A nova encarnação do Fiat Topolino (que nasceu em 1939 e fez a passagem para outra vida em 1955, aos 19 anos), obviamente não tem nada a ver com o produto original, nem pelo desenho e nem pelo conceito, mas além do uso de um nome inadequado para os críticos, poucas reclamações podem ser feitas, sendo um veículo de estilo muito atraente -num mundo de mesmices sobre rodas- e exótico, que certamente agradará ao público mais jovem.

por Ricardo Caruso

O novo Fiat Topolino deriva direto do Citroën AMI e também será produzido em Marrocos, mas esteticamente conseguiu distanciar-se claramente ao apostar num visual retrô com características da “família” 500 para conquistar o público.

Além do teto de lona e da ausência de portas, o novo Fiat Topolino se destaca pelo bagageiro traseiro (presumimos que será opcional) e pelas cores em tons pastéis, que combinam bem com o verão. Não deverá apresentar alterações na mecânica em relação ao parente francês, apostando num motor elétrico com 8 cv de potência em combinação com uma bateria de 5,6 kWh, com declarados 75 km de autonomia.

Este novo Topolino não é exatamente um automóvel. Trata-se de um quadriciclo, que dispensa carteira de habilitação e em muitos mercados pode ser conduzido por menores de idade. Tudo isso claramente seria um problema no Brasil. O preço convertido para reais fica na casa dos R$ 42 mil. Mas é um produto muito interessante, a começar no estilo, que se inspirou sem a menor cerimônia no Nuova 500 de 1955. E se não fosse o habitáculo idêntico ao do Ami —um pouco mais cúbico na forma—, com certeza os desenhistas da Fiat iriam mais longe para o aproximar do Nuova 500. Um detalhe que se destaca é a ausência de portas no Topolino, solução usada para nos clássicos 500 Jolly.

A designação também faz o tempo andar para o passado. Topolino (rato pequeno, como é batizado o Mickey Mouse na Itália) foi o apelido dado ao primeiro Fiat 500 da história, aquele produzido entre 1936 e 1955. Agora, Topolino foi promovida a nome oficial de um modelo.

Fiat 500 "Topolino" de 1936, frente 3/4

O 500 “Topolino” de 1936 (imagem acima) foi o primeiro capítulo na orgulhosa linhagem de carrinhos urbanos da Fiat, que se mantém até aos nossos dias, com a terceira geração do 500 e do Panda; a Fiat se tornou especialistas em carros pequenos..

O novo Fiat Topolino, contudo, é o primeiro quadriciclo elétrico da marca italiana e quer reforçar a aposta da marca na mobilidade urbana sustentável. Junta-se assim, ao 500, como o segundo elétrico na linha de passageiros da Fiat. Isto até a próxima chegada do SUV Fiat 600, “primo” em primeiro grau do Jeep Avenger.


Compartilhe!
1716058586