BMW: cliente insatisfeito coloca fogo no seu Série 7

Compartilhe!

Um cliente revoltado com a BMW decidiu chamar atenção para seus problemas com a marca de forma radical: simplesmente ateou fogo no seu próprio Série 7.

Em várias ocasiões noticiamos incêndios -propositais ou não- em carros sofisticados, mas desta vez o acontecimento é algo diferente e insólito. O cliente da marca BMW, Pourmohseni Hadi, empresário italo-iraniano, colocou fogo no seu Série 7, alegando estar insatisfeito com a marca alemã. E foi precisamente em Munique, em frente à sede da marca, que o dono do Série 7 mostrou todo o seu descontentamento e fúria. Confira no vídeo abaixo.

Enquanto o automóvel era consumido pelas chamas, Hadi exibia um cartaz contra a marca: “A BMW engana cliente. Fraude. Chantagem”. A questão torna-se ainda mais estranha quando conhecemos o passado de Pourmohseni: já não é a primeira vez que o empresário se manifesta contra a BMW por meio de maneiras estranhas.

Em 2013, por ocasião do Salão de Frankfurt, Pourmohseni Hadi destruiu o seu BMW M6 com uma marreta, motivado pelos problemas na transmissão do automóvel de que o proprietário vinha se queixando desde 2008. Um ano depois, no Salão de Genebra, Hadi voltou a repetir o feito, utilizando o mesmo método contra a mesma marca.

Parece que Pourmohseni Hadi ganhou gosto pela sistemática destruição automotiva, repetindo estes episódios. Neste último evento, ele se identifica como “Doutor”, mas talvez o empresário necessitasse, na verdade, de acompanhamento de algum médico para arrefecer sua fúria contra a BMW. Imagine se ele tivesse uma Alfa Romeo 164? Talvez explodisse uma bomba atômica na Itália…


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español