Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Esta é a picape média Peugeot, em sua versão chinesa

Compartilhe!

Este é o Changan Hunter, desenvolvido com PSA

Em alguns meses, teremos o lançamento da nova picape media Peugeot, que será comercializada em alguns mercados internacionais com o nome Landtrek. Desenvolvida em parceria com a Changan, a picape já deu as caras, exibida pela marca chinesa, que mostrou como é o seu novo produto para este segmento. A Landtrek será vendida no Brasil.

Batizada de Hunter, a primeira picape de tamanho médio da Changan compartilha grande número de componentes com a Peugeot, destacando o uso de diversos elementos, como a própria alavanca de câmbio, instrumentação ou maçanetas das portas. O desenho geral do interior também é mantido igual nas duas para não aumentar os custos.

O exterior apresenta grade trapezoidal de tamanho generoso e faróis de superfície complexa nos refletores. As rodas de liga leve, cores e soluções para amarração de carga são específicas para cada marca. Este modelo será vendido como Peugeot, Changan e como Kaicene, marca de veículos comerciais Changan.

De acordo com as versões, elas podem trazer sistema multimídia com tela de 8 ou 10 alto-falantes, navegador, Apple CarPlay, Android Auto, sensores de estacionamento, controle e limitador de velocidade, rodas de liga-leve, luzes diurnas por LEDs, volante revestido de couro, controles de estabilidade e de tração e cruise control.

Outros itens da Changan são revestimentos mistos dos bancos, de tecido/curvin; espelhos externos aquecidos; condicionador de ar automático; assistente de arranque em subida  controle de descida; sensor de pressão dos pneus; alarme; rodas de liga leve de 17 polegadas; “pacote” de detalhes externos cromados e vidros verdes, entre outros.

Curiosamente, a oferta de motor é limitada a um diesel de 1,9 litros, desenvolvido pela Kunming Yunnei e não pela PSA . Desenvolve 150 cv de potência e 35 mkgf de torque máximos. Ela pode ser encomendada com tração traseira simples ou tração nas quatro rodas e sempre com caixa manual de seis marchas.

De acordo com os mercados, outras alternativas também serão oferecidas, com um motor diesel Isuzu de 2,5 litros e 116 cv, um 2,4 litros a gasolina de origem Mitsubishi com 146 cv e o interessante 2.0 BlueHDI de 180 cv fabricado pela Peugeot para unidades com caixa de câmbio automática. 

No Brasil

Anunciada oficialmente no dia 20 de fevereiro deste ano, às vésperas da pandemia, a Peugeot Landtrek vai competir com Toyota Hilux, Ford Ranger, Chevrolet S10 e VW Amarok; deve desembarcar no Brasil somente no final de 2021 ou começo de 2022.

Os detalhes do modelo para o mercado argentino, que receberá o modelo antes do Brasil, já foram revelados. Haverá versões de cabine simples e dupla, duas opções de motor e tração traseira ou 4×4.

O primeiro motor é o 2.4 turbo, a gasolina, de 210 cv de potência máxima e 32,6 mkgf de torque máximo. Esta opção pode ser acoplada ao câmbio manual ou automático de seis marchas. A outra opção é o motor 1.9 turbodiesel, de 150 cv e 35,7 mkgf. Para este motor, só Este propulsor só transmissão manual de seis marchas.

NOVA PICAPE PEUGEOT LANDTREK A FORÇA DO LEÃO NA AMÉRICA
Peugeot Citroën aposta em retomada no Brasil a partir de 2020 - AUTOO
Peugeot Landtrek: picape terá motor diesel mais fraco que Hilux ...
Nas três imagens acima, a picape Peugeot Landtrek, que será comercializada no Brasil.



Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *