Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Fórmula 1: Nissan/Infiniti deixa a Red Bull

Compartilhe!

A Renault, por meio da Nissan e a Infiniti, anunciou o fim da parceria na Fórmula 1 com a equipe Red Bull Racing, valendo já para a próxima temporada. Isso já era esperado, após a marca francesa ter comprado a Lotus e anunciado seu retorno à categoria como equipe para 2016.

Red-Bull-Racing-RB11-2015-F1_22-888x500

Assim, a Renault/Nissan/Infiniti e a Red Bull Racing encerraram sua ligação um ano antes do previsto, e a Nissan também deixará de fornecer veículos comerciais que compunham parte da frota de apoio da equipe da Red Bull.

As marcas envolvidas formaram uma aliança de sucesso no automobilismo, tendo ganho quatro títulos consecutivos na Fórmula 1 como construtora e pilotos, entre 2010 e 2013. A parceria entre a Infiniti e a Red Bull Racing começou em 2011, antes de -em 2013- a marca de luxo da Nissan ter se tornado a principal patrocinadora da equipe.

Este ano, o desempenho da Red Bull Racing não foi positivo, já que os dois pilotos da equipe, Daniil Kvyat e Daniel Ricciardo, ficaram em sétimo e oitavo lugares, com 95 e 92 pontos, respectivamente. Entre os construtores, a Red Bull termitou a temporada em quarto lugar.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español