QUASE CERTO: FORD DEVE IMPORTAR O NOVO MUSTANG

Compartilhe!

imagesCAB4YNV5

Acredite se quiser. No final do ano que vem haverá uma remodelação na linha Mustang, e a Ford acena com a quase certeza de que –finalmente- o carro será vendido aqui de maneira oficial, 50 anos depois… O Mustang vende bem entre os importadores independentes, mas não chega a incomodar o Chevrolet Camaro, que reina sozinho nesse segmento.

O esportivo americano agrada desde 1964 pelo seu estilo e desempenho. A partir da linha 2015 será um carro mundal, como os novos Focus e Fiesta, mas mantendo suas características de estilo. Faltam poucos detalhes para a Ford Brasil sinalizar com a importação do novo Mustang.

As questões a serem contornadas pela Ford são em função de adaptar o carro ao piso, temperatura e combustível brasileiros, o que não é barato. E tambem adaptar os concessionários para venderem e atenderem o carro. O mercado americano tem outras características bem particulares de emissões, iluminação e consumo. Mas o novo Mustang será adaptado às leis da Europa, semelhantes às nossas, e por isso será mais barato adaptar o carro para nosso mercado.

Um atalho para isso é o motor mais simples que será usado, o 2.0 EcoBoost de quatro cilindros em linha, o mesmo do Fusion. Mas o Mustang não perderá sua pompa, e terá ainda os motores 3.7V6 3.7 e 5.0V8 atuais. O carro será apresentado no final de 2014, dentro das comemorações dos 50 anos de produção do esportivo.


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español